Aos gritos de palavras de ordem como “eu tô na rua, não abro mão, esse governo vai calar a educação”, centenas de estudantes e servidores do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), campus Nova Venécia, realizaram um protesto na manhã desta quinta-feira (09), no município. O protesto é contra o corte de 30% no repasse de verba do Governo Federal para universidades e institutos federais, anunciado pelo Ministério da Educação.

Os manifestantes seguiram do Ifes, na saída para São Mateus, e percorreram a pé, acompanhados de um carro de som, em direção ao Centro da cidade onde se concentraram em frente à Superintendência Regional de Educação, na Praça Jones dos Santos Neves.

Com cartazes e faixas em mãos, apitos e cornetas, os manifestantes ocuparam a via da avenida Vitória, causando lentidão no trânsito.

De acordo com o professor de Filosofia do Ifes, Curbani Weriquison, o manifesto é o início da paralisação marcada para acontecer no próximo dia 15. “Estamos aqui contra o corte de recursos para a educação federal. Nosso direito de estudar com condições dignas está ameaçado. O governo não pode simplesmente chegar e interromper o sonho dos nossos estudantes”, afirmou.